11 de Outubro, 19h: “Pela Rainha”

pela-rainha-1

Realização: John Boorman

Intérpretes:Callum Turner, Caleb Landry Jones, Pat Shortt

ROM/IRL/FRA, 2014, 115′ M/12

Grã-Bretanha, 1943. O pequeno Bill está extasiado por a escola ter sido destruída por uma bomba Luftwaffe extraviada. Para ele, a guerra é um jogo de heróis e nada o parece assustar.
Nove anos depois, já com 18 anos, o rapaz é obrigado a cumprir dois anos de serviço militar obrigatório no exército. Durante a recruta, conhece Percy, um rapaz inconsequente e muito diferente de si, de quem se torna inseparável.
Após a formação inicial, muitos são destacados para a guerra da Coreia, mas Bill e Percy são enviados para um campo de treinos semelhante a uma prisão, onde terão a responsabilidade de formar novos soldados. Apesar da tensão daquele lugar, eles desfrutam dos momentos em que saem do campo para se divertirem. É então que Bill se apaixona pela rapariga errada: uma mulher perturbada que conhece por acaso num recital…

A história que não se repete

Nome grande do cinema inglês, John Boorman percorre as memórias dos anos posteriores ao fim da Segunda Guerra Mundial: “Pela Rainha” prolonga a história que o próprio Boorman filmou em “Esperança e Glória” (1987).

Como todos os filmes conscientemente fora de moda, “Pela Rainha” (título original: “Queen and Country”) possui a sedução de um certo primitivismo que não é banalmente nostálgico. Nada disso: ao retratar a Inglaterra pós-Segunda Guerra Mundial, John Boorman está a reafirmar a energia de um cinema que mantém uma relação dialéctica com a história colectiva e os destinos individuais.

Aliás, “Pela Rainha” é a continuação (tardia) de um dos melhores títulos da filmografia de Boorman: “Esperança e Glória” (1987), centrado nas atribulações de Bill Rohan (Callum Turner) e da sua família, quando algumas das principais cidades inglesas estavam a ser bombardeadas pela aviação nazi. Agora, já nos anos 50, com Isabel II a chegar à condição de Rainha, ele é um soldado que corre o risco de ser enviado para a Coreia…

João Lopes (CineMax e DN)

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s